CURRAL METÁLICO FIXO AUTOMATIZADO

CURRAL METÁLICO FIXO AUTOMATIZADO 2017-09-22T10:55:34+00:00

PLATAFORMA DE MANEJO SERINGA CIRCULAR 225 GRAUS CORREDOR COLETIVO REGULÁVEL 6m SISTEMA ELETROHIDRÁULICO AÇÔRES (patente requerida junto ao INPI)




FAÇA UM ORÇAMENTO

INTRODUÇÃO

Após 16 anos de vasta experiência de sucesso com currais metálicos móveis (instalados, testados e aprovados nas maiores agropecuárias do Brasil), a Açôres analisou que o mercado amadureceu e se tornou mais exigente. A experiência e o conhecimento amplo sobre o mercado agropecuário mundial direcionaram o trabalho da empresa e viabilizaram encontrar soluções para o setor que vão ao encontro das necessidades atuais: aumentar a produtividade por meio de ferramentas de gestão, diminuir a mão de obra e implementar o manejo racional. Nessa perspectiva, a Açôres vivencia mais uma fase especial e apresenta o que há de mais moderno e sofisticado na linha de currais e de troncos para contenção e manejo de bovinos do mundo.

CARACTERÍSTICAS DO PRODUTO

CURRAL METÁLICO FIXO AUTOMATIZADO PLATAFORMA DE MANEJO SERINGA CIRCULAR 225 GRAUS
CORREDOR COLETIVO REGULÁVEL 6m SISTEMA ELETROHIDRÁULICO AÇÔRES visa atender propriedades com grande volume de manejo de cria, recria e engorda e que exigem um sistema prático e com menos mão de obra.

Possui seringa de 225 graus, composta por um pivô central eletrohidráulico fixo que transporta o portão de 3 metros em movimento circular, no sentido de 270 graus. O portão é articulado de forma corrediça, tipo “vai e vem”, buscando os animais que se encontram na espera e conduzindo-os para o corredor coletivo. Esse procedimento reduz o estresse dos animais causado pelo o mau manejo dos operadores.

A seringa eletrohidráulica é controlada a distância por apenas um operador, por meio de um exclusivo controle remoto via radiofrequência.

O controle remoto ACR JOYSTICK, exclusivo da Açôres, permite que os movimentos sejam monitorados a distância, via rádiofrequência. Ao todo, ele controla três dispositivos, tipo joystick no pivô central: (J1) porteira circular 270 graus – movimento giratório – direita e esquerda; (J2) porteira circular 270 graus – movimento corrediço – direita e esquerda; (J3) Comanda o portão de 2 folhas dentro do corredor coletivo, mandando para o tronco de contenção, um animal de cada vez.

 

VANTAGENS

– Maior gestão dos dados;
– Promove o aumento da produtividade e, consequentemente o aumento da lucratividade;
– Redução significativa de mão de obra;
– Menor trabalho necessário para o operador – sistema exige menos esforço físico por ser operado por um controle remoto a distância;
– Maior segurança para os animais e para o operador;
– Menos tempo de trabalho;
– Redução de estresse em animais e seres humanos proporcionado pelo comando remoto a distância;
– Elimina agressão ao animal causada pelos operadores, como choques, ferrões e gritarias;
– Sistema prático e fácil das operações, pois não requer experiência ou habilidades para o manuseio;
– Tecnologia eletrohidráulica (100% nacional) que viabiliza maior velocidade nos acionamentos, menor volume de mangueiras, maior precisão na contenção do animal e ajustes da pressão/força em todos os acionamentos vitais.

O EQUIPAMENTO ATENDE ÀS NORMAS REGULAMENTADORAS DO MINISTÉRIO DO TRABALHO E DO EMPREGO:

– NR 10 – SEGURANÇA NOS ACIONAMENTOS ELÉTRICOS
– NR 12 – ACIONAMENTO A DISTÂNCIA
– NR 17 – ERGONOMIA
– NR 31 – SEGURANÇA NO TRABALHO RURAL

DESCRIÇÃO DO SISTEMA ELETROHIDRÁULICO (SERINGA CIRCULAR 225º)

01 unidade eletrohidráulica com motor bomba de 7,5 CV – 4 P – com nível de tensão especificado pelo cliente.
Observação: no momento da venda, nosso técnico entra em contato com a propriedade para verificar o nível de tensão elétrica.

Bomba hidráulica variável de 38 litros por minuto. A escolha pela utilização dessa bomba é que o fluxo de óleo não é contínuo, como na bomba de engrenagem. O óleo só circula no sistema quando o comando é ativado, evitando aquecimento do óleo e aumentando a vida útil do próprio óleo, da bomba e das mangueiras.

Reservatório 95 litros com bocal de enchimento com filtros de ar, visor de nível com termômetro, filtro de retorno 10 micras e filtro de sucção.

Bloco manifolde com eletroválvulas 24 VDC, válvulas modulares duplas, vazão e pressão para todos os acionamentos (mais opcional de bloco de manifolde com eletroválvulas para acionamento do conjunto de apartadores) e (3) três modelos de apartadores: 3 saídas, 5 saídas e 7 saídas.

Mangueiras para os pistões: 3/8 SAE 100R AT – 330 BAR (4.785 PSI) e 1/2 SAE 100 R 2 AT 275 BAR (4.000 PSI).

 

ATENÇÃO! A BOMBA HIDRÁULICA e o MOTOR devem ser instalados à distância de 8 a 15 metros das áreas de manejo, evitando que barulhos e ruídos interfiram no trabalho.
CORREDOR COLETIVO SIMPLES

O CORREDOR COLETIVO DE 3 METROS, opcional para 6, 9 e 12 metros, é confeccionado com painéis com tubos quadrados (80×80 milímetros) e parede (5 milímetros) aparelhados nas quatro faces do corredor.

Sua parte superior tem forma tubular redonda (60 milímetros) e sua parte inferior é uma chapa de polipropileno (1 polegada) com regulagem inferior para vários tipos de animais.

Possui exclusiva saída salva-vidas para casos de queda do animal e portão automatizado tipo duas folhas no meio do corredor, para sempre deixar 1 animal na espera do tronco de contenção.